Interação Social: 6 Dicas Que Vão Te Ajudar Muito

O ato de interagir de forma verbal ou não-verbal pode parecer uma tarefa complicada, mas não é. Conheça 6 dicas que irão melhorar sua interação social. Possuir dificuldades para interagir socialmente é um problema muito mais comum do que pensam. Por falta de prática, ou por simples ignorância, inúmeras pessoas pecam quando o assunto tratado é a interação social. Segundo a grandiosa Wikipédia: Em ciências sociais, interação social refere-se a todas as ações recíprocas entre dois ou mais indivíduos durante as quais há compartilhamento de informações. (Fonte) Onde há dois ou mais seres humanos compartilhando informações verbais ou não-verbais, temos então uma interação social. Incomodados pela timidez ou pela ansiedade, por exemplo, muitos sentem-se desconfortáveis em interagir socialmente e acabam fracassando nisso (e até mesmo passando vergonha). Separamos abaixo algumas valiosas dicas para interagirmos melhor socialmente. 1. Não Sinta Medo do Contato Visual Para uns, um hábito tão normal, para outros, algo amedrontador: olhar nos olhos. O contato olho a olho pode parecer algo inofensivo, mas afeta profundamente e principalmente pessoas tímidas ou com sentimentos de inferioridade. Uma boa interação social envolve contato visual, não excessivo, mas confortável. O olhar atento significa atenção plena, portanto, quem conta algo se interessa pela ideia de…

Opções Comportamentais, Quantas Você Têm?

Somos programados para ter comportamentos padrões em várias situações, no entanto, podemos estender nossas opções comportamentais. Entenda mais. O ser humano é uma incrível máquina cheia de opções e recursos interessantíssimos! Um mesmo indivíduo pode ter diversas reações de acordo com o contexto da situação. Alguns estão presos em seus comportamentos impulsivos, entretanto, existem aqueles que sabem explorar suas opções comportamentais. Opções comportamentais… Sabe do que se trata? Talvez o nome sugestivo te dê a noção de que trata-se de opções de comportamento (óbvio, não?). Digamos que este palpite esteja correto. A personalidade de um indivíduo o induz consciente ou inconscientemente a ter certos comportamentos padronizados. O sujeito de personalidade explosiva ira jogar seu celular na parede em um momento de ira, enquanto o de personalidade mansa sentará e irá aguardar a ira cessar. Quando paramos para explorar nossas opções comportamentais, temos a oportunidade de refletir sobre o que podemos fazer em relação às situações do cotidiano. Quantas opções temos diante da raiva, por exemplo? Refletimos sobre estas opções? Vamos fazer um teste agora. Responda mentalmente: se te humilharem publicamente, qual destas opções é a que você escolhe no calor do momento? a) Não abaixar a cabeça e devolver na…

O Que é: Crise Existencial

Crise Existencial Sobre: Esta crise é o conjunto de conclusões negativas e questões acerca do sentido da vida. O indivíduo permanece apático à vida e passa a não enxergar mais os porquês da existência. Ao acreditar que sua vida não possui sentido algum e transformando o existir em algo penoso, temos então um sujeito vítima de uma Crise Existencial. Causas: Geralmente o surgimento desta crise está intimamente ligada a outras psicopatologias ou situações como: depressão, isolamento social, sono desregulado, traumas, disfunções hormonais, etc. Experiências desconfortáveis e marcantes também podem levar o sujeito a ser vítima desta crise (divórcio, perda de um ente querido, velhice, etc). Sintomas: Apatia pelos prazeres da vida Questionamentos constantes sobre o sentido da vida Falta de expectativas Sensação de solidão Sensação de insignificância perante o mundo Possui cura? Sim. Tratamento: Psicoterapia Atividades sociais Criação de projetos para o futuro Lutar por algum ideal

O Que é: Síndrome de Borderline

Síndrome de Borderline Sobre: A Síndrome de Borderline (ou também chamada de Transtorno de Personalidade Limítrofe) é um dos transtornos mais comuns no Brasil e no mundo. Trata-se de uma disfunção na produção hormonal que prejudica diretamente a intensidade e surgimento das emoções. É frequentemente confundida com o famigerado Transtorno Bipolar, porém suas características são diferentes. Causas: Por ter relação com a desorganização na produção hormonal, as causas podem ser tanto meramente físicas como também ligadas a experiências traumáticas, principalmente na infância. Em suma, a existência da Síndrome de Borderline pode estar ligada a alguma anomalia cerebral já presente desde o nascimento ou a uma série de eventos que proporcionaram traumas emocionais. Sintomas: Alterações bruscas de humor Duração exagerada das emoções Medo incontrolável do abandono Enorme e constante vazio interior Autoestima baixa Possui cura? Não. Tratamento: Psicoterapia Uso de remédios anti-depressivos e estabilizadores de humor Ocupar o tempo ocioso com atividades prazerosas Ter companhias pacientes e compreensivas

O Que é: Sociabilidade

Sociabilidade Sociabilidade, em termos grosseiros, é a qualidade do ser humano referente às suas habilidades sociais e à afeição pelas pessoas. Quanto maior o nível de sociabilidade de alguém, maior é a sua paixão por estar próximo de outras pessoas. Como consequência do alto nível desta qualidade, o indivíduo torna-se socialmente mais aceito e maleável.

O Que é: Complexo de Inferioridade

Complexo de Inferioridade Sobre: O Complexo de Inferioridade é o sentimento constante de inferioridade em relação a outrem. Mesmo conhecendo as próprias qualidades e suas raridades, o portador deste complexo é vítima de pensamentos intrusivos negativos que rebaixam o próprio ego. Estes pensamentos e conclusões precipitadas colocam o sujeito numa posição de inferioridade em todas as comparações entre o eu e o mundo. Causas: O surgimento pode estar relacionado às experiências negativas do passado, principalmente se na infância. Exclusão social, críticas agressivas e bullyings são fatores causadores deste complexo na maioria de suas vítimas. Sintomas: Autoestima baixa Comportamento anti-social Timidez excessiva Insegurança Pensamentos negativos e intrusivos a respeito do eu Possui cura? Sim. Tratamento: Psicoterapia Relacionamentos interpessoais saudáveis e sinceros Reprogramação mental a respeito do eu

O Que é: Bipolaridade

Bipolaridade Sobre: O Transtorno Bipolar é caraterizado pela alteração inesperada e intensa de humor inúmeras vezes ao longo do dia. Uma pessoa bipolar pode ter seu estado de humor completamente transformado em instantes sem um motivo consciente. As manifestações de bipolaridade, ao tornarem-se cotidianas, podem levar o indivíduo a obsessões maníacas e à depressão. Causas: Não se sabe exatamente até o momento quais podem ser as causas da Bipolaridade, porém, o fato é que o surgimento deste transtorno geralmente está relacionado à genética, experiências de vida ou descontroles hormonais. Sintomas: Alterações repentinas de humor Temperamento agressivo Indisposição Falta de concentração Impulsividade Falta de sono Apatia Possui cura? Não. Tratamento: Psicoterapia Medicamento controlado Agradável convívio social

Causas Psicológicas da Obesidade, Conheça-as

A guerra contra a balança deve estar ligada inicialmente à mente e depois à boca, mas a maioria das pessoas invertem esta ordem. Saiba mais. O senso comum costuma dizer que “fulano” é gordo devido à genética que herdou de um (ou dos dois) pais. Alguns chegam a afirmar até que a tendência a engordar facilmente é herdada de avós ou tios. Mas onde se encaixa, nesta afirmativa, a parcela de culpa das causas psicológicas da obesidade? Sim, o cérebro e seus comandos também podem levar uma pessoa a engordar de forma indireta e em pouco tempo. Seria possível então o emagrecimento de um indivíduo ocorrer apenas modificando seus pensamentos? Sim. Mantenha a calma! Não jogue fora os produtos milagrosos que você comprou e parcelou em 6 vezes. Sua forma de pensar pode provocar o emagrecimento, porém, seus hábitos alimentares devem ser sempre saudáveis para que você consiga ótimos resultados. Para entendermos melhor o quão poderoso pode ser seu padrão de pensamento sobre seu peso, vamos analisar um exemplo. Viviane vive um romance maravilhoso com Lucas. Infelizmente, 2 semanas antes do casamento, Lucas vem a falecer. Viviane fica profundamente triste e, em 1 mês, perde 8 quilos. Este “milagre” do…

Efeito Zeigarnik e Sua Relação Com a Satisfação

O que o Efeito Zeigarnik tem a ver com o sentimento de gratidão, satisfação e o bom aproveitamento da vida? Descubra e transforme sua forma de ver a vida. Durante uma aula do professor Kurt Lewin, em meados do século XX, a aluna Bluma Zeigarnik achou interessante um fato que Kurt havia percebido nos restaurantes de sua cidade e contado à classe. Lewin contou aos alunos sobre ter reparado nos restaurantes que os garçons lembravam-se muito mais facilmente dos pedidos que ainda não haviam sido concluídos do que dos pedidos que ainda estavam em espera. Bluma, curiosa em relação ao porquê deste fenômeno, decidiu pesquisar a respeito. Teve e ideia de realizar um experimento com algumas pessoas. O experimento consistia em fornecer aos participantes algumas tarefas para serem realizadas em um período de tempo, porém, estes participantes eram interrompidos inesperadamente durante a execução das atividades. Ao questionar os participantes sobre o que estavam fazendo, Zeigarnik chegou à conclusão de que os participantes lembravam-se mais das atividades não terminadas do que as terminadas. Ou seja, através dos estudos de Bluma foi comprovado que o ser humano gasta muito mais a sua memória e concentração com aquilo que ainda não finalizou ou…

Você é Capaz de Qualquer Coisa!

As pessoas se deixam levar pela crença de que são incapazes de fazer coisas grandiosas. Estão enganadas. Você é capaz de qualquer coisa! Entenda o porquê. Certo dia, foi dito em uma sala de aula a seguinte frase: o ser humano é infinitamente desenvolvível dentro de suas limitações. Aquilo provocou a mente confusa e curiosa de vários alunos do primeiro semestre de um curso de Psicologia. Um dos alunos levantou a mão e perguntou: – Como assim professor? Eu queria muito voar, quando criança, e não me desenvolvi a ponto de criar asas. Quase que no mesmo instante, outro aluno também levantou a mão e indagou: – E eu queria ter super velocidade. Hoje em dia mal posso correr e logo já estou quase morto. Para complementar a discussão, uma outra garota sequer levantou a mão e disse: – Meu sonho era ver pelas paredes. Professor… acho que quem criou esta frase estava equivocado. O professor respirou fundo (percebendo que aqueles alunos eram duros na queda), arrumou seus antigos óculos, pensou por alguns segundos e respondeu: – O homem queria voar, não tinha asas, então criou o avião. O homem queria velocidade, não tinha pernas como as de um leopardo,…