Miopia Emocional: Enxergar o Todo Diminui as Partes

A Miopia Emocional é a principal característica daqueles que sofrem muito com o pouco e se baseiam somente naquilo que está próximo dos olhos. Saiba mais. Miopia: “distúrbio de refração em que os raios luminosos formam o foco antes da retina; vista curta” ou “pouca ou nenhuma perspicácia para perceber e entender as coisas” (Dicionário do Google, e é neste último significado que nos basearemos para entendermos a Miopia Emocional). Imagine que você foi contratado(a) para limpar um salão para o maior evento anual de sua cidade. Neste evento estarão grandes nomes da política de sua região e muitos outros populares. Você se esforçou o dia todo para deixar o chão brilhando, as cadeiras organizadas e a decoração deslumbrante. Tudo está impecável! De repente você percebe que esqueceu um balde cheio de água imunda bem no centro do salão. Sorte sua, pois faltam apenas cinco minutos para que convidados comecem a chegar. Você, com pressa, corre até o balde para pegá-lo, mas tropeça e seus braços empurram acidentalmente o balde com água que se espalha pelo chão sujando-o. Ao levantar-se, se lembra que os produtos de limpeza foram levados embora por uma das equipes prestadoras de serviços. Você se desespera…

PNL (Programação Neurolinguística) e Seu Poder Incrível

Você já se perguntou sobre o poder que a linguagem pode ter sobre o cérebro humano? Conheça a PNL (Programação Neurolinguística) e surpreenda-se! O cérebro é uma máquina extremamente interessante e isto não é novidade para ninguém. Alguns creem no poder da mente sobre o homem, mas muitos não fazem ideia do poder que o homem pode ter sobre sua própria mente. Vamos conhecer agora a famosa PNL (Programação Neurolinguística). Durante a década de 1970, dois grandes cientistas, John Grinder e Richard Bandler, iniciavam pesquisas relacionadas àquilo que em um futuro próximo seria conhecido como PNL (Programação Neurolinguística), estudo muito utilizado por coaches, psicólogos e “programadores mentais” do mundo inteiro. Estes estudos tornaram-se famosos em todo o globo a partir de livros, palestras, cursos e até séries, como por exemplo, a série The Mentalist (O Mentalista, no Brasil). A Programação Neurolinguística consiste na crença de que é possível gerar modificações físicas e mentais de todos os tipos através do poder da linguagem. Grinder e Bandler, fundadores da PNL, perceberam que a linguagem, seja verbal ou não-verbal, externa ou interna ao indivíduo, pode “guiar” o cérebro involuntariamente. Existem inúmeras técnicas de programação neurolinguística disponíveis gratuitamente e outras somente encontradas em cursos…

Poder da Sugestão e Como Isso Pode Te Prejudicar

A sugestão mental pode ter efeitos destruidores sobre a mente humana. Devemos ficar atentos a todo momento e conhecer mais sobre o poder da sugestão. Provavelmente você em alguma altura da vida ouviu falar na tão temida “gravidez psicológica”, certo? Este é só um pequeno exemplo do poder impressionante que o a crença convicta possui sobre o organismo. Partindo daqui, entenderemos o poder da sugestão. Assim como através do Efeito Placebo ou Efeito Nocebo nosso organismo gera reações despertas a partir de um engano, a sugestão também é capaz de enganar com maestria todo o organismo após receber alguma sugestão. A hipnose, por exemplo, pode provocar no ser humano ilusões de todos os tipos. Assim também, uma sugestão bem implantada na mente do homem é capaz de modificar praticamente qualquer coisa dentro do mesmo. Para ficar mais claro, vamos usar como exemplo as propagandas de televisão. Elas, em sua esmagadora maioria, tentam dar ao seu inconsciente alguma sugestão, por exemplo, “peça baton”, “adquira já o seu ingresso”, “compre antes que acabe”. Muitos especialistas em marketing audiovisual sabem bem que com uma boa propaganda cheia de estímulos distrativos é possível instalar várias sugestões em seus espectadores. São truques como estes que…

Ser Feliz Sem Ir Longe

A felicidade não está no baú de ouro escondido no fim do arco-íris, mas pode estar na trajetória para encontrá-lo. Ser feliz está relacionado ao ser. As pessoas costumam traçar objetivos e percorrer enormes caminhos para chegar até eles e, quando chegam no tão sonhado ponto-alvo, percebem que o baú do final do arco íris não possui tanto ouro como imaginávamos. Ser feliz não depende disso. Muitas questões surgem quando ouvimos falar de alguém famoso, rico, belo e bem sucedido em sua carreira que tirou a própria vida de forma inesperada. Por que tantas pessoas, após chegarem no auge de seus sonhos, demonstram uma alegria passageira e logo em seguida experimentam uma profunda tristeza? Os que lutam arduamente para alcançar o que para muitos é inalcançável percebem, ao chegar no tão sonhado objetivo, que aquilo ainda não supri o vazio imenso que cada ser humano traz dentro de si. Ser feliz tem muito mais a ver com o SER do que com o TER. Para TER, teremos que lutar, investir, vender horas e horas de nossos dias em troca de notas de papel e perder momentos valiosos com a família. Para SER, o preço é menor. Basta QUERER SER. É…

Comunicação Não-Violenta e Seus Inúmeros Benefícios

Apaixonado pela arte da comunicação, Marshall Rosenberg desenvolveu a Comunicação Não-Violenta, método que mudou (e ainda muda) a vida de muitos. A comunicação verbal é um dos pilares para a existência da humanidade e também a base fundamental de qualquer relacionamento interpessoal. Analisando com cuidado a importância deste pilar, Marshall Rosenberg realizou intensas pesquisas inspiradas em Mahatma Ghandi para desenvolver a Comunicação Não-Violenta. Marshall, percebendo o quão eficaz é a comunicação empática, elaborou formas de se comunicar que podem evitar em quase 100% as chances de surgimento de falhas e confrontos na comunicação. O melhor de tudo: a Comunicação Não-Violenta pode ser aplicada em nosso cotidiano sem problema algum e melhora a qualidade dos relacionamentos de forma surpreendente. Imagine quantas discussões você poderia/poderá ter evitado com um método deste? A Comunicação Não-Violenta, apesar de apresentar um conceito simples, merece diligente estudo. Não trata-se apenas de responder a grosseria com a mansidão, mas também de analisar todo o contexto e se colocar no lugar do indivíduo. Rosenberg cita em seus estudos quatro análises que devemos aplicar em nossos argumentos durante a comunicação: O que estou dizendo/respondendo tem a ver com uma observação ou um julgamento? Estou alertando ou julgando? O que…

Tédio: Um Grande Perigo Para a Mente

O tédio não é apenas um estado de espírito inútil, mas sim um possível e perigoso início de sentimentos como solidão e depressão. Se por um lado temos pessoas dedicando todo o tempo para tudo, exceto para si mesmas, por outro temos pessoas dedicando o tempo para nada. Os dois extremos são prejudiciais, mas é neste segundo caso que o perigoso tédio entra em ação. A mente “vazia” fica à mercê dos pensamentos intrusivos, ou seja, aqueles que invadem sua mente até mesmo contra sua permissão. Estamos rodeados por inúmeros estímulos e situações. Todos estes dados buscam um espaço entre nossos pensamentos. Para adentrar os terrenos da mente, primeiramente, todos os dados necessitam passar por um filtro: a interpretação. O maior perigo está nesta etapa do processo de aquisição de informações. Quando estamos provando do tédio, há a ausência de hormônios da alegria como a serotonina, por exemplo. Com a falta de produção destes valiosos hormônios, nossa interpretação em relação aos acontecimentos da vida tornam-se exageradamente pessimistas. Como já não bastasse a falta dos hormônios que trazem alegria e tranquilidade ao ser humano, o tédio prolongado abre grande espaço para longas, inúteis e ilusórias reflexões a respeito dos tristes pensamentos….

Problemas Vencidos Com a Análise Racional

Se analisarmos com muita cautela cada um dos problemas com racionalidade, sem dúvida sofreríamos muito menos. Quando estamos diante dos problemas, automaticamente fazemos uma rápida análise dos mesmos e, geralmente, tomamos certos conceitos como verdadeiros e inquestionáveis. Nestes momentos de ultra rápida reflexão, deixamos de perceber o quanto os sentimentos e as emoções podem influenciar a mente humana. Muito usada em várias clínicas de Psicologia do mundo todo, a Terapia Cognitiva Comportamental (uma das abordagens usadas pelos psicólogos e psiquiatras) afirma que, quanto mais racional for a análise do sujeito em relação a um problema, melhor será a posição de um indivíduo diante da situação. Explicando de forma fácil e resumida: menos emoção na hora da reflexão + mais racionalidade na hora de pensar = melhor conclusão. Como já explicado no artigo O Segredo da Alegria Estão Nos Olhos, nosso estilo de vida e nossa felicidade dependem completamente da forma como enxergamos a vida. Porém, não basta só querer enxergar tudo com bons olhos, também é necessário enxergar com inteligência e atenção. Vamos imaginar um evento trágico. Ricardo se envolveu em um acidente de carro, ficou paralítico e destruiu parte de seu veículo. Se Ricardo fosse uma pessoa extremamente negativa e depressiva,…

Luto, 6 Passos Para Lidar Com Ele

Todos, em certa altura da vida, experimentam a dor do luto, entretanto, nem todos veem esta dor partir. O dia em que este post está sendo escrito, pessoas do Brasil todo visitam os cemitérios para relembrar os bons tempos com os entes que se foram. Trata-se do “Dia dos Finados” (02 de Novembro), um dia de luto. É muito comum encontrar pessoas debruçadas aos prantos sobre túmulos de pessoas queridas. É triste, mas é necessário. Colocar para fora toda a dor da perda deve integrar o processo de luto. E quando o choro contínuo, a falta de alimentação e o isolamento social ocasionados pela dor do luto duram dias, semanas, meses, anos e parecem não ter fim? Neste caso exige-se uma atenção maior, pois algo está errado. De acordo com psiquiatras americanos, as dores mais intensas do processo de luto não devem demorar mais do que duas semanas. Caso contrário, pode tratar-se de alguma psicopatologia, ou seja, doença psíquica. Se o seu caso, ou o caso de alguém próximo, enquadra-se no que foi dito acima, busque auxílio. Mas o foco desta postagem não é este. Iremos falar sobre as ações e reflexões necessárias para acelerar a conclusão do processo de…

Música: Vigie as Que Entram Em Seus Ouvidos

Seus ouvidos não são uma lixeira. Toda música que entra pelos seus ouvidos e vai até seu cérebro gera efeitos no organismo. Saiba mais. Você já deve ter percebido a esta altura da vida um pouco dos efeitos que a música causa no organismo, correto? Para muitos, pensar que simples músicas podem ajudar alguém a vencer sentimentos negativos é uma grande bobeira. Ao chegar a um local em que há uma música alegre tocando, as sensações que ocorrerão no organismo serão bem diferentes se comparadas as sensações que um local em que há marcha fúnebre tocando causará. A música tem o poder de moldar o ambiente, de gerar pensamentos, trazer esperança, despertar desejos, promover a paz e muito mais. É cientificamente comprovado o fato de que as músicas conseguem provocar reações emocionais no indivíduo. Estes estudos não são tão necessários assim, afinal, quem nunca chorou ao ouvir uma música bonita ou teve uma grande vontade de dançar e se alegrar ao ouvir uma música alegre? Sendo assim, fique mais vigilante em relação àquilo que você ouve. Seu ouvido não é uma lixeira. Atente-se às letras, aos ritmos e às harmonias e melodias. Perceba se em sua playlist há mais músicas…

Mídia e Sua Capacidade de Te Deixar Triste

Os programas de televisão, suas propagandas e a mídia em geral podem despertar em uma mente susceptível a mais profunda tristeza. Compreenda melhor. Ei, você! Por quantas horas do seu dia você se mantém frente à televisão, celular ou tablet consumindo a mídia? Quantas ideias você permite serem inseridas em sua mente de forma consciente e inconsciente diariamente? Seja cauteloso(a)! A mídia insiste em colocar à força dentro de sua cabeça conceitos dos mais variados tipos. Doutrinação política, ilusão a pensamentos relacionados a defeitos inexistentes, insatisfação com a vida e guerra entre classes são alguns dos poderes que os magnatas por trás das telas possuem. As propagandas tentam convencer seus espectadores de que, se tal produto não for adquirido, a felicidade jamais será alcançada. Ao mesmo tempo que colocam o produto na posição de “fonte da felicidade”, por outro lado ludibriam as massas apontando defeitos que não são exatamente defeitos. Quem disse que ser magro ou gordo é algum defeito? Quem tem a autoridade para afirmar quais das cores de cabelo é a mais bonita? Quem disse que a única beleza do cabelo só pode ser mostrada se este for liso? Com maior peso de influência, a mídia. Basta que…