Pensar é Ser

Dizem que você é o que você come. Mas já te disseram que você também é o que você pensa? Não há uma distância muito grande entre pensar e ser.

Há um lema muito famoso dito pela boca da maioria dos nutricionistas: você é o que você come. Concordo plenamente com esta frase. Quanto mais tamanho e gordura o alimento possui, mais o indivíduo que o comer engordará. Mas e se reformulássemos esta frase para “você é o que você costuma pensar”?

Existe uma conexão interessante entre esta frase tão difundida pelos nutricionistas e o poder dos pensamentos. Assim como aquilo que você come modifica o seu corpo, assim também aquilo que você pensa modificará sua autoestima.

Pensar positivo é necessário

Você é o que você pensa ser.

Obviamente a frase acima não deve ser interpretada literalmente. Tente afirmar a si mesmo da forma mais convicta possível que você sabe voar. Pule pela janela. Não, você não irá voar. (Por favor, não faça isso.)

Porém, se você carregar a certeza de que é um ser indefeso, vítima da vida, doente, impotente, ou seja, um “pobre coitado”, assim será. Todos os seus pensamentos farão de você um verdadeiro miserável.

Digamos que nossa mente possui o poder de nos entregar as coisas de acordo com a nossa fé. Acredite em si mesmo e todo seu organismo trabalhará positivamente a favor de seu sucesso.

Pensar em si mesmo de forma otimista

A verdadeira miséria da alma se origina da mais sutil crença negativa a respeito do próprio eu.

Os pensamentos suicidas começam como um simples “eu não consigo“, transformam-se em “eu sou uma vítima da vida” e terminam com um “não há sentido em viver“.

Reprograme seus conceitos a respeito de si próprio. Acredite em sua força. Jamais admita ser taxado como doente, fraco e/ou incapaz.

Se você não acreditar em si mesmo, dificilmente outros acreditarão.

“Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.”
Filipenses 4:8

► Compartilhe:

Comentários

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *